CLIPPING

Enem: barrados por lotação da sala podem ir à prova do próximo domingo ou pedir reaplicação das duas datas, diz Inep

22/01/2021 15:57

Florianópolis foi uma das cidades que registraram caso de sala lotada — Foto: Diogenes Pandini/NSC


Candidatos nessa situação não precisam de comprovante, afirmou o instituto. Uma das reclamações foi a falta de um protocolo que atestasse o impedimento de fazer o exame


Candidatos que foram barrados no 1º dia do Enem 2020 no último domingo (17) poderão comparecer ao 2º dia de provas neste domingo (24) ou pedir a reaplicação das duas datas do exame.

A informação foi dada por telefone à reportagem do G1 pela assessoria de comunicação do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela prova, nesta sexta (22).

Em ao menos 11 dos 14.447 locais de aplicação, candidatos foram barrados porque as salas estavam lotadas e não era possível garantir o distanciamento. O número é um balanço do Inep. Segundo o governo, os casos ocorreram em seis cidades (Curitiba, Londrina, Florianópolis, Canoas, Caxias do Sul e Pelotas), mas há relatos de mais ocorrências além daquelas registradas inicialmente.

Duas informações divulgadas nesta semana trouxeram dúvidas aos candidatos.

Segundo um comunicado do Inep divulgado na terça-feira (19), quem foi barrado no primeiro dia deveria comparecer às provas neste domingo e pedir a reaplicação – de segunda-feira (25) a sexta (29) – sobre a prova que perdeu.

O texto divulgado dizia que "o inscrito deverá solicitar apenas a reaplicação das provas que ocorreram no dia em que se sentiu prejudicado. Portanto, cabe ressaltar que o participante poderá realizar, normalmente, as provas do próximo domingo, 24 de janeiro, caso tenha sofrido com questões logísticas no primeiro dia de aplicação".

Já a Justiça Federal reafirmou na quarta-feira (20) o direito dos candidatos impedidos por problemas logísticos, como as salas lotadas, de pedir a reaplicação em 23 e 24 de fevereiro.

"Esse infeliz planejamento [casos de lotação nas salas] pode ter prejudicado inúmeros alunos, os quais devem ter garantido o direito de realizar as provas, e o Inep, a obrigação de reaplicá-las nos dias 23 e 24 de fevereiro, data já prevista no edital para reaplicação de provas e para realização das provas no estado do Amazonas e demais cidades onde não houve aplicação da prova em razão de situações regionais decorrentes da pandemia", afirmou a juíza federal de SP Marisa Cucio em sua decisão.

Após questionamentos do G1 ao Inep, o instituto esclareceu que os candidatos poderiam optar por:

    • fazer a 2ª prova neste domingo e pedir a reaplicação da 1ª
    • não comparecer neste domingo (24) e pedir a reaplicação das duas provas


    Segundo o MEC, os candidatos barrados não precisam pegar nenhum comprovante para confirmar que foram impedidos de fazer a prova.


    Fonte: G1

    Veja também

    Câmara aprova prorrogação de 122 contratos da Educação e Saúde; acompanhe

    15/04/2021 12:25

    Educação encalha na lama ideológica

    15/04/2021 12:22

    CNPq celebra 70 anos de criação

    15/04/2021 12:15

    INSCREVA-SE PARA RECEBER NOVIDADES

    Artigos, notícias e informativos sobre legislação da área da educação



    CONTATO

    SEPN 516 Norte, Bloco D, Lote 9,

    Edifício Via Universitas, 4° andar

    CEP 70.770-524 - Brasília - DF

    Entrada pela via W2

    (61) 3349.3300

    (61) 3347.4951

    (61) 3030.2200

    (61) 9.9370.3311

    abruc@abruc.org.br

    REDES SOCIAIS

    COPYRIGHT © 2018 ABRUC. A ABRUC não é responsável pelo conteúdo de sites externos.