NOTICIA

Sancionada suspensão das metas de entidades com o SUS até o fim deste ano

30/07/2021 07:36

Essa já é a quarta prorrogação de prazo para o cumprimento das metas de atendimento

Prédio branco e azul com letreiro onde se lê: Santa Casa e SUS
Normalmente, filantrópicas precisam cumprir metas para ter isenções

A Lei 14.189/21, publicada no Diário Oficial da União desta última quinta-feira (29), desobriga instituições que prestam serviços ao Sistema Único de Saúde (SUS) de cumprirem, até 31 de dezembro deste ano, as metas quantitativas e qualitativas estabelecidas em contrato. O texto sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro é o substitutivo, de autoria do deputado Pedro Westphalen (PP-RS), ao Projeto de Lei 4384/20, apresentado pelas senadoras Mara Gabrilli (PSDB-SP) e Leila Barros (PSB-DF).

A lei beneficia hospitais filantrópicos, laboratórios, clínicas, organizações sociais de saúde e associações de assistência social que têm certificado de filantropia e, para conseguirem isenção de tributos, são obrigadas a prestar serviços ao SUS cumprindo metas de atendimentos, pelos quais recebem valores da tabela do sistema.


As autoras do projeto argumentam que, com a pandemia de Covid-19, muitas metas de atendimento não puderam ser cumpridas, prejudicando diversas instituições conveniadas ao SUS. Essa já é a quarta prorrogação de prazo para o cumprimento das metas de atendimento, após as suspensões até junho, setembro e dezembro de 2020.


Faec

O texto sancionado define que o pagamento dos procedimentos financiados pelo Fundo de Ações Estratégicas e Compensação (Faec) deve ser feito conforme produção aprovada pelos gestores estaduais, distrital e municipais de saúde, seguindo parâmetros estabelecidos antes das medidas de enfrentamento da pandemia (Lei 13.992/20). O texto original Senado, que foi alterado na Câmara, previa o pagamento integral dos repasses.

Filantrópicas e organizações sociais

O mesmo prazo de suspensão, até dezembro de 2021, será aplicado a entidades filantrópicas que prestam atendimento à pessoa com deficiência simultaneamente nas áreas de educação e de saúde junto ao SUS, e a hospitais estaduais e municipais cuja gestão foi transferida a organizações sociais por meio de contrato.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Educação e saúde podem perder recursos com vetos à LDO

11/08/2022 09:28

Quem pagou o Fies durante a pandemia pode ter direito a crédito, prevê projeto

11/08/2022 08:57

Ministério da Educação divulga resultado da primeira chamada do Prouni

11/08/2022 08:44

INSCREVA-SE PARA RECEBER NOVIDADES

Artigos, notícias e informativos sobre legislação da área da educação



CONTATO

SEPN 516 Norte, Bloco D, Lote 9,

Edifício Via Universitas, 4° andar

CEP 70.770-524 - Brasília - DF

Entrada pela via W2

(61) 3349.3300

(61) 3347.4951

(61) 3030.2200

(61) 9.9370.3311

[email protected]

REDES SOCIAIS

COPYRIGHT © 2018 ABRUC. A ABRUC não é responsável pelo conteúdo de sites externos.